Confira as principais novidades da versão 9.2 do aclamado banco de dados livre PostgreSQL

O mês de setembro foi marcado pelo lançamento da mais nova versão do PostgreSQL, um banco de dados livre detentor de grande prestígio internacional, principalmente em ambientes de missão crítica e que demandem robustez em casos onde há grande flux...

Monday, 1 de October de 2012

O mês de setembro foi marcado pelo lançamento  da mais nova versão do PostgreSQL,  um banco de dados livre detentor de grande prestígio internacional, principalmente em ambientes de missão crítica e que demandem robustez em casos onde há grande fluxo de transações. A 4Linux conversou sobre esta nova versão com Flavio Gurgel, entusiasta do software livre e especialista em banco de dados há quase 20 anos.  Gurgel, atualmente, presta consultoria, suporte e treinamento aos clientes da 4Linux. Confira os detalhes desse bate-papo:

4Linux: A versão 9.2 do PostgreSQL vem sendo anunciada como um salto em performance, escalabilidade e flexibilidade. Você concorda?

Flavio Gurgel: Sim. Com relação à performance, os novos índices com informação de visibilidade da tupla vão resolver um problema antigo de desempenho do PostgreSQL quando do uso de funcionalidades importantes como a função "count" e o retorno de dados ordenados.

Antes, era necessário verificar um dado no índice para depois verificar sua visibilidade na tabela. Agora, a leitura no índice basta. O salto pode ser tão incrível como 10x mais rápido para uma mesma consulta feita na versão 9.2 em relação à 9.1.

Outras otimizações de desempenho de escrita foram realizados também.

Com relação à escalabilidade, vários aprimoramentos foram feitos para melhorar o PostgreSQL em hardware moderno, com muitas CPUs disponíveis, e também para que o PostgreSQL funcione melhor quando estiver virtualizado.

É muita coisa pra uma versão só! Por isso a adoção da versão 9.2 é fantástica, com muitos relatos de empresas que já o adotaram quando ainda estava em versão beta, assumindo os riscos.

4Linux: Diversas organizações de grande porte já adotaram o PostgreSQL em seu ambiente de missão crítica. Com a nova versão , essas adoções devem continuar em ritmo acelerado? O que você diria  a um líder que ainda tem receio de implementar o PostgreSQL?

Apesar de adoção de PostgreSQL "estar na moda" por causa de outros fatores de mercado, o PostgreSQL não precisa mais provar nada em relação à confiabilidade, qualidade e desempenho.

Uma pesquisa recente mostrou que vários projetos em software livre e de código aberto possuem qualidade de código melhor que várias contra partes proprietárias. O PostgreSQL, dentre os projetos avaliados, obteve a melhor nota, com a melhor qualidade de código e governança.

Claro que muitos líderes tenderão a implementar o que conhecem. É intrínseco ao ser humano tomar o menor risco conhecido. O que esses mesmos "alguns líderes" não perceberam é que os riscos com PostgreSQL podem ser menores do que certos padrões famosos da indústria. É  dever de um consultor mostrar quais são esses riscos, para que a opção pelo PostgreSQL seja feita de forma segura.  

Compartilhe esta página