Grande déficit no mercado de TI: a opinião do RH

Recentemente reproduzimos aqui, no site 4Linux, a notícia de que o déficit no mercado de TI poderá chegar alcançar as 700 mil vagas até 2020. Confira agora o que uma gerente de RH deste setor, entrevistada pela 4Linux, tem a dizer.

Thursday, 11 de October de 2012

 

Recentemente reproduzimos aqui, no site 4Linux, a notícia de que o déficit no mercado de TI poderá chegar alcançar as 700 mil vagas até 2020. Confira agora o que uma gerente de RH deste setor, entrevistada pela 4Linux, tem a dizer.

4Linux: Estudos recentes têm relevado que a escassez de mão de obra, no mercado de TI, vem motivando a contratação de profissionais estrangeiros. Você já identificou essa prática no mercado?

Daniele Tartuce: Sim já identifiquei. Existe uma escassez de mão de obra disponível. A empresas acabam tirando funcionários umas das outras, por conta desta disputa o mercado fica inflacionado. Os salários ficam altos e muitas empresas com necessidade de contratação imediata , disputam por profissionais com altos salários. Outras acabam contratando mão de obra estrangeira por ser mais preparada, barata e demonstrar mais flexibilidade e disponibilidade para o trabalho.

4Linux: A partir da sua experiência contratando no mercado de TI, você diria que há uma total escassez de mão de obra ou o principal problema é a indisponibilidade de mão de obra qualificada?

Daniele Tartuce: Eu diria que existe uma escassez de profissionais disponíveis, isto é aqueles que estão procurando trabalho por estarem desempregados. Existe também aqueles que são mau qualificados e tem dificuldade de recolocação e até ficam restritos a uma limitação salarial.

4Linux: Qual o peso dos cursos extracurriculares no momento da contratação?

Daniele Tartuce: Eu considero de enorme importância. Na empresa em que trabalho, os cursos extracurriculares tem grande peso e são fator determinante e de desempate na contratação.

Compartilhe esta página