Respostas aos questionamentos sobre o edital divulgado pela Caixa para contratação de licenças Microsoft

Venho - na condição de Diretor-Geral da 4Linux, empresa que há anos presta serviços associados ao software livre para a CEF – através deste texto, responder de forma coletiva para a comunidade de software livre, expondo a posição da 4Linux acerca ...

Thursday, 21 de June de 2012

Venho - na condição de Diretor-Geral da 4Linux, empresa que há anos presta serviços associados ao software livre para a CEF – através deste texto, responder de forma coletiva para a comunidade de software livre, expondo a posição da 4Linux acerca do investimento de R$ 112 milhões em atualização de licenças do parque Microsoft pela Caixa Econômica Federal, através do pregão 116/7066-2012 que acontece no dia 21/6/2012.

1. Por que a Caixa está atualizando todo o parque Microsoft? A Caixa mudou sua estratégia em relação ao uso do Linux e do Software Livre?

Não sou a pessoa certa para responder.Esta pergunta deve ser feita para a Caixa e não para a 4Linux.

2- A 4Linux não havia customizado uma distribuição Linux para ser usado nos desktops da Caixa?

Sim. A 4Linux customizou uma distribuição Linux Debian e esta foi homologada e aceita pela Caixa para ser colocada em produção. Por decisão da Caixa, não foi feito a implementação em massa desta distribuição. O contrato no qual a 4Linux prestava suporte ao Linux e ao BROffice encerrou-se em outubro/2011.

3- A 4Linux não foi contratada para implementar o correio eletrônico Expresso Livre na Caixa? Por que o exchange está sendo atualizado?

Sim. A 4Linux, em consórcio com a empresa Prognus, foram contratadas para implementar o novo correio eletrônico da Caixa. A solução foi customizada e implementada e está pronta para ser usada. Por decisão da Caixa, ainda não foi feito a migração em massa das caixas postais.

4- A Caixa estava tendo muito problemas com soluções livres para desistir do uso? Os serviços da 4Linux não estavam atendendo as necessidades da Caixa?

Acredito que prestamos um ótimo serviço para a Caixa. Todos os contratos foram cumpridos, não havendo nenhum registro de reclamação e a CEF até mesmo premiou algumas das soluções mediadas pela 4Linux. Implementamos projetos de alta qualidade e com uma redução de custo muito grande. O Linux continua a ser usado nos ATMs, nos terminais lotéricos e em vários outros projetos. Outras soluções em software livre continuam a serem utilizadas com sucesso e com serviços da 4Linux. Não acredito que seja um problema de qualidade de serviços.

5- Economicamente o uso de soluções livres não estava valendo a pena para a Caixa?

Esta pergunta deve ser feita para a Caixa. O que posso dizer é que participamos de vários projetos e algum deles a Caixa tornou pública a economia de gastos em palestras e eventos.

O PROGED - programa de redução de gastos da Caixa - premiou os seguintes projetos cujos números foram tornados públicos:

  • Multicanal - mais de 35 milhões economizados, foi divulgado no FISL2010.
  • Utilização do Linux em ambiente mainframe e outros projetos - R$ 32 milhões.
  • Sisag - nova automação bancária da Caixa – economia de R$ 38 milhões.
  • Portal de atendimento e portal do bolsa família – economia de R$ 22 milhões.

 

Rodolfo Gobbi Diretor-Geral da 4Linux

Compartilhe esta página